Responsabilidade sobre o conteúdo das matérias Colaboradores Especiais

Geral - 25/01/2010

Itapuã é opção de lazer próximo à Porto Alegre

* Governo do Estado RS em 25/01/2010

foto da matéria
       O Parque Estadual de Itapuã é uma das alternativas de lazer para quem fica em Porto Alegre e imediações. Localizado em Viamão, a 57 quilômetros da Capital, o parque, administrado pelo governo do Estado por intermédio da Secretaria do Meio Ambiente (Sema), é uma unidade de conservação de proteção integral e guarda a última amostra dos ambientes originais da região metropolitana de Porto Alegre. Além de receber o público, a unidade de conservação tem como objetivos a preservação da biodiversidade, a pesquisa científica e a educação ambiental. Em 2009, a Secretaria do Meio Ambiente destinou R$ 600 mil para melhorias na área.

       No total, são 5.566 hectares que abrigam diversidade de paisagens e ecossistemas compostos de morros, praias, dunas, lagoas e banhados, com número significativo de espécies raras e ameaçadas de extinção. O parque tem cerca de 40 espécies de répteis, 30 de anfíbios, 200 de aves e um bom número de mamíferos, entre estes a jaguatirica, o gato-maracajá, a lontra e o bugio-ruivo. Esse último consta da Lista das Espécies da Fauna Ameaçada de Extinção do Rio Grande do Sul e é o símbolo do Parque Estadual de Itapuã. A área também é abrigo para aves migratórias.

       O público pode desfrutar das praias de águas doces ao longo do Guaíba – Pombas e Pedreira –, além da Praia de Fora, banhada pela Laguna dos Patos. O local dispõe de infraestrutura com churrasqueiras, banheiros, vestiários e estacionamento. Por se tratar de área protegida, a visitação é limitada em 350 pessoas ao dia nas praias das Pombas e da Pedreira e em 200 pessoas por dia na Praia de Fora.

       Aos sábados e domingos estão programadas duas trilhas por dia, uma na praia da Pedreira e outra na das Pombas. As trilhas da Onça e da Fortaleza têm saída às 14 horas e podem ser compostas de cinco a oito pessoas. Quem deseja percorrer as trilhas deve usar tênis e calça comprida, pois as perneiras são oferecidas no local. Os interessados devem agendar pela manhã a trilha com os monitores das praias, que acompanham os visitantes no percurso. No momento, as lancherias não estão funcionando.

       O parque funciona de quartas a domingos, das 9h às 18h. O ingresso custa R$ 4,55 por pessoa e o valor para os veículos de passeio é de R$ 10,62, incluindo os ocupantes. O preço para motos custa R$ 6,45, para ônibus ou caminhão, R$ 141,31 e para microônibus é de R$ 70,75. Informações adicionais pelos telefones (51) 3494-8082 e 3494-8083.
Voltar Mais Especiais...


Editora do site: Vital Comunicações - WhatsApp e Fone OI (51) 98406-0092 e-Mail: juarez@owicki.com.br