Responsabilidade sobre o conteúdo das matérias Nossos Poetas


Não deixe-me a sós com o coração

Amaro Flores Castilhos

Não deixe-me a sós com o coração
temo derramar melancolia pelos olhos
o céu amanheceu endiabrado
lá pras bandas do meu amor.

Toda saudade me navalha o fígado.
Toda ausência me arruína as unhas.
Não deixe-me a sós com o coração
temo me perder primeiro pelo olhar
e logo mais por toda a solidão.


do seu livro Meandros do coração
Voltar Mais Nossos Poetas...


Editora do site: Vital Comunicações - WhatsApp e Fone OI (51) 98406-0092 e-Mail: juarez@owicki.com.br